domingo, 28 de setembro de 2008

Que dizem de uma volta ao Mundo?

Com o interessante post anterior escrito pelo amigo Ihering surgiu-me uma bela ideia que logo apresentei aos vários vernianos no fórum luso-brasileiro antes de aqui postar. A ideia foi bem recebida, estudada e, após várias mensagens trocadas, concluímos que talvez seja possível realizá-la. Mas para isso, será necessário a ajuda de todos os vernianos que se encontram no Mundo.

A origem desta ideia foi a frase "Espero que ele vá para bem longe e talvez, quem sabe, dê a volta ao mundo." do amigo Ihering que eu aproveito para saudar.
Bem, agora já imaginam qual seja a ideia, não é?



Na altura da comemoração do 180º aniversário (1828-2008) do nascimento de Júlio Verne, o nosso amigo e colaborador do blog Carlos Patrício teve o seguinte comentário num dos seus belos textos sobre o escritor francês: "Este ano será O Ano de Verne". E, não podia estar mais correcto...

Este ano de 2008 foi riquíssimo em elementos vernianos como o tema "Júlio Verne" no carnaval de Sesimbra, a chegada de Júlio Verne ao 1º lugar no concurso do site Jesuismort, o lançamento do selo "Júlio Verne - 130 anos da visita a Portugal" que percorreu o Mundo, o envio para o espaço do ISS "Jules Verne", o 1º filme em 3D baseado numa obra de Verne, o lançamento da colecção de luxo "Biblioteca Júlio Verne", etc...

E a faltar 3 meses para o final deste magnífico ano verniano, não podíamos deixar passar este tempo sem que nada se fizesse. Este ano terá que terminar em grande! E aqui entra a minha proposta.

De forma a homenagear J. Verne e o seu livro que nos fez viajar e nos levou a dar a volta ao Mundo, porque não trocarmos as posições e concretizarmos agora nós essa experiência a este magnífico livro?
Passo a explicar:

O desafio consiste em que o livro 'A Volta ao Mundo em 80 dias' de J. Verne (já comprado e pronto para a viagem) dê a volta ao mundo e regresse ao ponto de partida se possível no prazo dos 80 dias.
E como muito bem foi dito no fórum, teremos que ser um verdadeiro Phileas Fogg, ou seja, o itinerário terá que ser previamente elaborado/organizado e combinado com todos os vernianos que entrem neste movimento o que fazer e a quem enviar depois de o receber.
Além disso terão que se comprometer a enviar o livro e a seu próprio custo.

O livro será "monitorizado" via internet utilizando o nosso blog onde iremos publicar, junto com um breve texto, uma foto do verniano segurando o livro com um local/edifício/estátua famoso da sua localidade/país como pano de fundo de forma a provar a sua escala naquele local.
Além disso, utilizaremos também o programa Google Earth de forma a mostrar o trajecto do livro e assim ser mais fácil para os nossos visitantes ver o que já foi percorrido e o que falta percorrer.

Mas como já foi dito, isto só será possível com a ajuda da grande legião de vernianos que se encontram ao redor do Mundo. Dessa forma, pede-se aos vernianos que queiram participar neste movimento que entrem em connosco em português, espanhol ou inglês (jverne@portugalmail.pt) de forma a que possamos organizar desde já o itinerário da viagem. Já há participantes para o Brasil e Portugal.

Agradecemos também a publicidade deste novo movimento nos vários blogs/fóruns sobre o mestre J. Verne.

1 comentário:

Carlos Patrício disse...

Grande idéia!

Parabéns pelo arrojo, audácia e entusiasmo, típicos de um genuíno verniano.

É difícil, mas não impossível - contamos com os fãs de Verne espalhados em todo o planeta.

Vamos fazer esse livro dar a volta ao mundo, aproveitando para marcá-lo em cada uma das passagens, para que ele volte ao ponto de partida como um verdadeiro passaporte, cheio de carimbos, assinaturas e principalmente, recordações...

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...