quarta-feira, 29 de março de 2006

Morre Richard Fleischer, realizador de '20.000 léguas submarinas' (1954)

O cineasta nova-iorquino Richard Fleischer, filho do lendário animador Max Fleischer (1883-1972), faleceu no último sábado, de causas naturais, no Motion Picture and Television Hospital, em Woodland Hills, Califórnia. Tinha 89 anos.

Deixa mulher, três filhos, cinco netos e uma extensa lista de clássicos de fantasia e aventura, como o filme mais fiel à obra com o mesmo nome de Jules Verne, 20.000 léguas submarinas (1954). Arnold Schwarzenegger, que trabalhou com Fleischer em Conan, o destruidor (1984) e Guerreiros de fogo (1985), disse em discurso que o realizador era uma verdadeira lenda de Hollywood, um homem de grande talento que deixa um legado de filmes sensacionais.

Na sua autobiografia, Tell me when to cry, publicada em 1993, ele diz que estava a conseguir um diploma em psicologia quando o seu pai avisou: evite qualquer coisa ligada a Hollywood.

Não funcionou, para a felicidade de muitos que cresceram com seus filmes.

terça-feira, 28 de março de 2006

Casa de Júlio Verne é reaberta em Amiens

Foi reaberta hoje ao público a casa de Amiens, no norte da França, onde o escritor e visionário francês Júlio Verne (1828-1905) passou 18 anos de sua vida, com uma estrutura e conteúdos totalmente renovados.

Após 12 meses de trabalhos de reforma, polémicos porque a mansão permaneceu fechada durante os actos de comemoração do centenário da morte do escritor, a direcção da casa-museu recorreu a um conhecido desenhista belga de história em quadrinhos, François Schuiten, para modelar o 'universo de Verne' na casa.

Schuiten optou por recriar ao mesmo tempo a casa burguesa do século XIX na qual Verne assinou 34 obras e também seu mundo fantástico, com lanternas mágicas, marionetes de personagens e maquetes das máquinas voadoras de seus livros.

O passeio pelos diferentes andares da casa vai da realidade cotidiana ao imaginário do escritor, do interior burguês de quartos pouco iluminados à desordem do sótão, passando pelo gabinete de trabalho e a cabine de comando de um barco, nos andares superiores.

"Uma casa de escritor não é um museu. É preciso dar-lhe vida, como se ainda estivesse habitada", explicou outro autor da reforma, o cenógrafo Yves Marechal.

Schuiten pintou um grande mural de 180 metros para representar a curva do globo terrestre sobre um fundo de raios solares e, para coroar a torre da casa, desenhou uma esfera armilar, instrumento astronómico composto de aros com um pequeno globo no centro que representa a Terra.

No âmbito dos conteúdos, 95% da colecção da antiga residência de Verne, ou seja, umas 700 peças, procedem dos fundos de um coleccionador apaixonado, o italiano Pierro Gondolo Della Riva.

Há seis anos, a compra, por 4 milhões de euros, de cerca de 30 mil manuscritos, cartas, desenhos, gravuras, livros, fotografias, móveis e peças da baixela do autor de "Viagem ao centro da Terra" que Gondolo Della Riva possuía, permitiu à Prefeitura de Amiens lançar este projecto.
Os responsáveis da casa-museu, que investiram 3 milhões de euros em sua reforma, esperam receber 30 mil visitas anuais, três vezes mais que antes de seu fecho.

Aqui fica o vídeo da sua remodelação:

quarta-feira, 22 de março de 2006

A Colecção PLANETA VERNE

A Colecção Planeta Verne do jornal "Público" começa amanhã e dá logo "Cinco Semanas em Balão". Parece tarefa fácil, mas não é. Porque os desafios são muitos e inesperados. É necessário evitar todas as intempéries.



E assim será também a Colecção. Porquê? Porque há uma viagem todas as quartas-feiras (por apenas 4,20 + jornal), até 8 de Junho - são 12 viagens ao todo. Todas as semanas, um pedaço do mundo, uma personagem exótica, um terrível pirata ou uma viagem à Lua. Todas as semanas, uma aventura.

LISTA COLECÇÃO PLANETA VERNE
23 DE MARÇO
Cinco Semanas em Balão, 1863
30 DE MARÇO
Miguel Strogoff, 1876
6 DE ABRIL
Os Filhos do Capitão Grant, 1867-68
13 DE ABRIL
Da Terra à Lua, 1865
20 DE ABRIL
As Aventuras do Capitão Hatteras, 1866
27 DE ABRIL
As Índias Negras, 1877
4 DE MAIO
Um Herói de Quinze Anos, 1878
11 DE MAIO
Uma Cidade Flutuante, 1877
18 DE MAIO
A Ilha Misteriosa, 1874
25 DE MAIO
A Estrela do Sul, 1884
1 DE JUNHO
O País das Peles, 1873
8 DE JUNHO
Aventuras de Três Russos
e Três Ingleses na África Austral, 1872

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...