domingo, 30 de agosto de 2009

Revista 'Mundo Verne' #9 & #10 (versão em castelhano)

Um volume duplo, que compreende os números 9 e 10, já está disponivel.

Com 48 páginas e publicações em todas as secções que possui a revista, destaca-se a publicação do texto inédito Um filho adoptivo com uma introdução escrita especialmente para esta edição da revista por Volker Dehs, reconhecido especialista verniano e descobridor da obra nos arquivos da Biblioteca Nacional em Paris.

O artigo principal, refere-se à aparição da meteorologia nas obras vernianas. Um texto muito interessante que mostra, exemplificando, o uso dela para a descrição de muitos dos fenómenos que Verne se interessava em descobrir.
O artigo de Cristian sobre uma viagem extraordinária está desta vez dedicado à obra A estrela do Sul.

No resto, vários textos interessantes completam a edição.
Muito recomendado os textos de Volker Dehs com a informação exata do que se encontra disponível em matéria verniana na Biblioteca de Amiens e o artigo do nosso colaborador e tradutor da revista, Frederico Jácome, com um texto sobre a viagem do livro que deu a volta ao mundo entre o final do ano passado e inícios deste.

O verniano Garmt de Vries chega desde os Países Baixos para confessar-nos as paixões que o levaram a vinculá-las com o tema Verne.
Harry Hayfield escreve sobre uma porção de território -a sua terra Natal- que Verne parece ter esquecido por completo; Brian Taves comenta a versão de 1984 do conto Mestre Zacarias que foi produzido num filme televisivo.

Graças novamente ao Frederico, este fornece-nos um texto profundamente documentado já publicado no seu blog e que interessará, sobretudo, aos vernianos de língua portuguesa já que descreve os detalhes das primeiras edições de Verne nesse idioma.
Por último, outra carta de Verne ao seu pai, esta dos princípios de 1849.

quinta-feira, 27 de agosto de 2009

Revista 'Mundo Verne' #8

O número oito de Mundo Verne, o última de 2008, está finalmente disponível!
Em primeiro lugar, gostaria de transmitir um pedido de desculpas de todos os que elaboram a Mundo Verne, onde nós nos incluímos, para com os vernianos de língua portuguesa que acompanham a nossa revista.

Esta demora de 7 meses na tradução e no aparecimento do próximo número deve-se, exclusivamente, a razões pessoais do nosso editor e diretor da revista, Ariel Pérez, que serão explicadas no próximo número.

Com 30 páginas, destacamos a abertura de uma nova secção graças à colaboração de Alexandre Tarrieu que trará curiosidades e material de interesse acerca do universo verniano.

O artigo de Cristian, nesta ocasião, fala da obra da Secessão, Norte contra Sul. Cristian também escreve uma interessante análise da relação do seu país com o escritor francês.

Há duas colaborações provenientes de Espanha nesta edição: Pasqual Bernat, presidente da Sociedade Catalã Jules Verne explora a ciência na aventura lunar e Joan Manuel Soldevilla fala sobre a leitura de Verne na escola e como envolver os alunos nas obras do gaulês.

Mundo Verne põe-se à fala com... Volker Dehs que nos fala da actualidade verniana e dos seus planos futuros, como também de uma surpresa.
De resto, o capítulo 3 de O cerco a Roma e uma carta de Verne ao pai escrita nos finais de Outubro de 1848.
Mundo Verne 8

quarta-feira, 26 de agosto de 2009

Coleção 'Biblioteca Júlio Verne' chega ao Brasil

A coleção Biblioteca Júlio Verne da RBA lançada em Portugal, finalmente chegou ao Brasil, mais propriamente às cidades de São Paulo e Rio de Janeiro.

O primeiro exemplar, A Volta ao Mundo em 80 dias (réplica do livro que deu a volta ao mundo), está com um preço de lançamento de R$11.90. O segundo e restantes exemplares custarão R$19.90.

Ainda se desconhece se a RBA lançará os 66 volumes da coleção completa (ver aqui a lista completa) ou se a diminuirá para 44 volumes como aconteceu no último lançamento da colecção em Portugal. 

Quem perder algum livro também tem a opção de pedir pelo e-mail fornecido pela distribuidora Publisher Lda ou visitando o site da Jovem Banca.

Veja aqui a notícia e comentários deste lançamento em Portugal.

terça-feira, 25 de agosto de 2009

'Testamento de um excêntrico' disponível em inglês

Finalmente, e depois de um ano de trabalho, está disponível a obra em inglês Testamento de um excêntrico. Com 500 páginas, foi cuidadosamente reconstruída desde o original pela edição Sampson Low de 1900, e capa original, contém o tabuleiro do jogo, o mapa de caminho-de-ferro, e todas as ilustrações do original. Todo o extensivo trabalho é dado ao verniano Dr. Brian Taves.

O livro está disponível desde o Choptank Press em:

www.lulu.com/choptank-press

Testamento de um excêntrico é uma das últimas obras de Verne e a última a ser publicada em inglês durante a sua vida (1900). Apesar de todos os personagens serem americanos e a história ser passada inteiramente no seu país, esta obra jamais havia sido lançada nos EUA. Seis personagens jogam um jogo tipo Monopoly à volta dos EUA num transporte público para ganhar um prémio.

Disponível apenas nos alfarrabistas (Br: sebos) por milhares de dólares, esta versão cheia de ilustrações está agora disponibilizado desde Choptank Press com um prefácio de Dr. Brian Taves.

segunda-feira, 24 de agosto de 2009

Vencedor - Passatempo '40 anos da ida do Homem à Lua'

Depois de termos analisado perto de uma centena de participações, é com orgulho que apresentamos o vencedor do Passatempo '40 anos da ida do Homem à Lua' cujo prémio é um livro com as obras Da Terra à Lua/À volta da Lua, edição Circulo de Leitores com texto e gravuras originais da Colecção Hetzel:



Denise Soares, de Lavra (Matosinhos), respondeu corretamente às primeiras 14 perguntas, cujas respostas certas são aqui mostradas, e foi o participante que referiu mais "coincidências" ou previsões entre a viagem imaginada por Verne e a real, da Apollo 11, em 1969, na pergunta nº15.

1) Em que ano nasceu Jules Verne? *
* 1828

Em que ano J. Verne editou "Da Terra à Lua"? *
* 1865

Nas obras ‘Da Terra à Lua’ e ‘À volta da Lua” J. Verne leva três heróis numa exploração até à Lua. Como se chamam os heróis? *
* Ardan
* Barbicane
* Nicholl

Qual o nome do seu editor na França? *
* Hetzel

5) De que localidade partem os nossos heróis (os da obra) rumo à Lua? *
* Tampa

Quanto tempo os nossos heróis demoraram a chegar à Lua? *
* 4 dias

Quantos anos levou J. Verne a publicar a continuação de "Da Terra à Lua"? *
* 5 anos

Em que obra(s) entrou J.-T. Maston? *
* Da Terra à Lua
* À volta da Lua
* Fora dos eixos

J. Verne licenciou-se em… *
* Direito

10) Quantos filhos teve Honorine com J. Verne? *
* 1

Em 2005 comemorou-se o... *
* Centenário da sua morte

As aventuras criadas por Verne eram publicadas em capítulos numa revista destinada ao público jovem. Qual o seu nome? *
* Le magasin d’education et de récréation

J. Verne visitou Portugal por duas vezes. Em… *
* 1878 e 1884

Em que localidade o autor escreveu "Da Terra à Lua"? *
* Paris

Parabéns à vencedora e um obrigado a todos aqueles que participaram.
Bem-hajam!

sexta-feira, 21 de agosto de 2009

DVD "20.000 Leagues Under the Sea" Special Edition

Apesar de já ter sido há algum tempo, e peço desculpa por isso mas infelizmente a notícia só agora chegou ao meu conhecimento, a Disney preparou uma colecção de títulos para DVD.

Esta coleção propõe-se a trazer grandes clássicos em magníficas edições para agradar aos fãs. O primeiro título já revelado foi 20.000 Léguas Submarinas (20.000 Leagues Under The Sea), clássico de 1954, com James Mason e Kirk Douglas, que regressa numa edição de dois discos recheada de extras.

Ainda não foi revelado se esta edição chegara até Portugal e ao Brasil mas eu já encomendei a minha nos EUA.

Lista de Extras:

-Ver o filme com factos a aparecer durante a visualização
-Comentário audio com Richard Fleischer e Rudy Behlmer
-Cartoon: “Grande Canyonscope”
-Making of do filme
-Jules Verne e Walt Disney: Exploradores da imaginação
-O Humboldt: o verdadeiro monstro do mar
-Tesouro Perdido
-Álbum do estúdio Disney de 1954
-Galerias de produção
-Arquivos audio
-O Musical – legado de Paul Smith
-Tour pelo Nautilus
-Storyboards
-Merchandise do filme
-Trailer original de cinema

Deixo-vos o trailer desta obra prima da Disney:

Sociedade Ibero-americana Jules Verne (2ª Mens)

Deixo aqui a 2ª mensagem (1ª mensagem colocada aqui) do Ariel, criador e editor da revista Mundo Verne, acerca da Sociedade J. Verne.

Olá a todos:

Tenho seguido de perto as POUCAS respostas dos membros nos vários fóruns acerca da proposta da criação de uma sociedade Jules Verne na Ibero-américa.
Alguns pontos discutidos foram:

- Sedes para as reuniões. Penso que pensar primeiro onde estas serão. Sem dúvida, na América, Espanha e Portugal, os países dessas regiões têm todas as suas peculiaridades, isto é, todas têm "belezas" suficientes para justificar um encontro entre vernianos a cada 4 ou 5 anos. A ideia de uma reunião regular é boa, pois o feedback e o conhecimento são importantes nestas sociedades. Talvez Havana seja o melhor lugar para as reuniões dadas as características do país (as coisas em Cuba não são tão tensas como se diz).

- Necessidade desta sociedade. Acredito que uma sociedade como esta é possível e bastante útil. Não apenas pelos encontros, como também pelas publicações. Há bastantes livros que não se encontram à venda nos vários países e que podem ser editados pela Sociedade como textos inéditos, a Mundo Verne poderá ser publicada em papel e muitas outras coisas que fazem uma Sociedade deste tipo. Livros sobre J. Verne escritos pelos membros da sociedade também poderão ser publicados. Enfim, são muitas as opções.

- Lugares das sedes. Para mim está claro que uma sede deve estar em Espanha, outra em Portugal e outra na América num lugar que preferentemente deve estar entre a Argentina e o México (as grandes industrias editoriais da América) e quem sabe uma noutro outro país interessado. Apesar destes lugares deve haver uma sede principal.

-Os custos. A cota dos membros da Sociedade deve ser calculada em base dos gastos de: registo oficial da sociedade, sítio na Web, gastos de impressão da revista ou de livros e envio por correio postal de materiais aos membros da Sociedade.

-Sítio na web. A Sociedade como toda a sociedade oficial deve ter um sítio na web onde irá publicitar as suas atividades. Poderemos juntar os vários fóruns à sociedade.

Já entrei em contacto com Frederico em Portugal e por sua vez com Carlos Patrício e Edmar no Brasil, todos os tradutores da Mundo Verne para português. Manifestaram um grande interesse pela ideia da Sociedade.
Muito mais que publicações, encontros, sedes, etc... a criação de uma sociedade implicaria moralmente o prestigio em ter uma associação formada por países de grande extensão territorial convertendo-se na maior sociedade Jules Verne do mundo pela quantidade de territórios que abarcaria e com o tempo poderia chegar a ser a maior em quantidade de membros.

Por fim, ideias a discutir. Gostaria que todas as pessoas do fórum tivessem mais interesse na formação da sociedade. Por favor, enviem mensagens indicando o vosso nome, de que país são e o que gostavam que a sociedade tivesse e/ou o que esperam de uma organização como esta.

Começo eu. O meu nome é Ariel Pérez. Vivo em Cuba. Sou diretor, editor, desenhador da Mundo Verne. Em 2001, criei na Internet o primeiro sitio web em espanhol sobre Verne que hoje é uma referência na Internet. Além disso, sou fundador e administrador de um fórum espanhol sobre o escritor no Yahoo.

Aguardo as vossas mensagens... Vamos colocar no alto o nome dos nossos países.

Saudações,
Ariel

20000 Léguas... em "O Contador de Histórias"

O novo filme do brasileiro David Villaça, "O Contador de Histórias", conta a história real da vida de Roberto Carlos Ramos, um menino que fugiu da Febem de Belo Horizonte 132 vezes e que, após receber o auxílio de uma francesa (Maria de Medeiros), se formou em Pedagogia e hoje é considerado um dos 10 maiores contadores de histórias do mundo.

Mas o que esse filme tem a ver com Júlio Verne? A francesa ensina-o a ler com o livro 20.000 Léguas Submarinas!

Aqui o trailer:



O nosso obrigado ao amigo Lucas Silva pela informação.

terça-feira, 18 de agosto de 2009

Sociedade Ibero-americana Jules Verne

O Ariel Pérez, criador e editor da Revista Mundo Verne, pediu que colocasse este seu texto aqui no blog:

Olá a todos os vernianos:

Vou falar de um tema importante e gostaria de ter o feedback de todos os visitantes deste blog.
Todos sabem que existem várias associações Jules Verne divididas em todo o Mundo: Holanda, França, Alemanha, Croácia, Estados Unidos, Polónia. Como podem ver, apenas a América do Norte e a Europa Central e de Leste têm associações já feitas e bem estabelecidas. Acredito, portanto, que chegou a hora da necessidade de formalizar a criação de uma sociedade no resto da América e na Europa Ocidental.
A minha ideia é criar uma sociedade que envolva vários países da área ibero-americana, ter a "Mundo Verne" como publicação base e poder publicar livros sobre o tema Verne (que são bastante escassos) nas várias línguas e sobretudo começar a traduzir tudo o que falta traduzir de Verne, que é bastante. Além disso, seria uma forma de reunir os vernianos do resto da América e da Ibéria.

Várias perguntas podem surgir a partir desta ideia.

1- Onde estaria a base da associação? Em que país?
2- Quanto seria os custos de aderência à associação? Uma tarifa que cobriria os gastos de publicação, reuniões, custo de envio das publicações dos países respetivos
3- A criação da associação implicaria um logo e um sitio na web.
4- Quais seriam as bases para formar a associação?
5- Seria um clube ou uma sociedade?

Como disse atrás, gostaria de ouvir os membros do fórum e conhecer as suas opiniões a respeito do tema.

Saudações,
Ariel

domingo, 16 de agosto de 2009

Passatempo '40 anos da ida do Homem à Lua'

No início de 2009, aquando da abertura do Ano Internacional da Astronomia, o Blog JVernePt ofereceu duas obras de J. Verne, "Da Terra à Lua" e "À volta da Lua".
Mas neste ano, coincidamente, comemoram-se também os 40 anos da ida do Homem à Lua e devido ao facto de J. Verne ter, com a sua imaginação, preparado o lançamento da Apollo 11, decidimos oferecer novamente as mesmas obras mas numa edição diferente, de apenas um volume.

Damos a nossa contribuição à celebração dos 40 anos da ida do Homem à Lua organizando um passatempo cujo vencedor ganhará um exemplar novo (ainda plastificado) com as obras Da Terra à Lua/À volta da Lua, edição Circulo de Leitores com texto e gravuras originais da Colecção Hetzel:



Para ganhar o prémio basta preencher o formulário em baixo com o nome completo, email, morada (para entrega do prémio), e com as respostas às quinze questões formuladas.
O concurso terá a duração de 1 semana. Não perca tempo e comece já a pesquisar!



Regulamento do Passatempo Blog JVernePt

1- O passatempo decorrerá de 2009.08.16 a 2009.08.23 e destina-se a todos os indivíduos que vivam em Portugal continental e insular.

2- Das respostas recebidas, apenas serão consideradas válidas as que preencherem devidamente os campos solicitados (Nome completo, Morada completa, e-mail e respostas) e as que sejam enviadas dentro do prazo estabelecido. Qualquer resposta que não cumpra os requisitos exigidos, não será validada.

3- Será premiado aquele que responda acertadamente às questões colocadas. Em caso de empate, o vencedor será decidido pelo número de coincidências certas (pergunta 15). Se mesmo assim houver empate, verificaremos a data de envio das respostas (o mais rápido ganhará).

4- Só é aceite uma resposta válida por endereço de e-mail e por concorrente pelo que não adianta responder ao formulário mais do que uma vez.

5- O blog JVernePt compromete-se a garantir a privacidade dos dados pessoais recolhidos e/ou transmitidos online e apenas os usará para o envio dos prémios.

6- Os prémios será enviado em correio registado (entregue em mão) e dirigidos ao nome
constante dos dados inseridos aquando do envio das respostas. Os premiados deverão apresentar o seu BI ou outro documento identificativo (não serão aceites fotocópias) ao carteiro.

8- O participante, ao participar na acção promocional, aceita automaticamente as condições expressas neste regulamento, aceitando por isso as regras e condições nele estabelecidas.

9- O premiado será anunciados no Blog JVernePt, no dia seguinte ao fim do passatempo, e será notificados por e-mail nesse mesmo dia para o endereço constante dos dados inseridos aquando do envio das respostas.

10- Caso existam dúvidas sobre o presente regulamento, devem ser apresentadas através do e-mail jverne@portugalmail.pt.

quarta-feira, 12 de agosto de 2009

A nave de Perry Rhodan

Vocês já ouviram falar em Perry Rhodan?

É uma série alemã de livros de sci-fi que existe desde a década de sessenta (eu li demais nos anos 70/80, quando foi publicada aqui no Brasil pela Ediouro, no formato de livros de bolso).
Há décadas um fantástico sucesso comercial, a série é hoje considerada um fenômeno de vendas em todo o mundo.

Esse aqui é um filme feito por fãs mostrando a construção e lançamento da mais recente e poderosa nau-capitânea de Rhodan e sua equipe.

Vocês têm uma chance pra adivinhar o nome de batismo da nave...

sábado, 8 de agosto de 2009

Homenagem a J. Verne em Palmela (Portugal)

O Largo de S. João, em Palmela (Portugal), é palco do espetáculo de teatro de rua “Humanum Fatum”, no dia 14 de Agosto, pelas 22 horas. Apresentada pela PIA – Projetos de Intervenção Artística, esta iniciativa organizada pela Câmara Municipal de Palmela integra o roteiro cultural, desportivo e turístico do Centro Histórico de Palmela, promovido pela autarquia até ao próximo mês de Novembro, intitulado “Do Castelo ao S. João”.

Remeter a Máquina ao Homem ou degradar o Homem à Máquina?”. Esta é a pergunta inquietante que a cooperativa PIA deixa para reflexão, com a sua nova proposta de teatro de rua. “Humanum Fatum” apresenta três inventores do século XIX, que procuram o equilíbrio entre o progresso técnico que as suas máquinas vêm proporcionar e uma sociedade que pretendem solidária. Concebida por Pedro Leal, com encenação de Sylvain Pecker, “Humanum Fatum” procura homenagear todos os inventores, «em particular, Jules Verne e Leonardo Da Vinci, por terem pensado máquinas extraordinárias que fizeram sonhar os homens até hoje». Máquinas e estruturas de outros tempos, e um ambiente estético fiel ao século XIX prometem uma viagem poética a outros tempos.

sábado, 1 de agosto de 2009

Moeda da República da Lua (Lunar) com J. Verne

Em 1969, quando o homem chegou a lua imaginava-se que a esta altura, 40 anos depois já teríamos uma colónia funcional, viagens em massa e quem sabe até um país na lua. Bem, isso não aconteceu, mas alguns se adiantaram criando o Lunar, a moeda oficial da República da Lua. Confira as notas:

1 Lunar - Homenagem ao pioneiro Yuri Gagarin, o primeiro homem em órbita.


3 Lunares homenageia o Grego Ptolomeu, que descobriu e estudou o movimento dos astros.


Na nota de 5, o homenageado é o pianista Ludwig Von Beethoven, provavelmente por dois motivos: sua composição "Sonata ao Luar" e o fato de que trechos de suas sinfonias tocaarem na Sonda Voyager. Na minha opinião deveria ser Strauss, que teve composições imortalizadas como trilha sonora do espaço em "2001 uma Odisseia no Espaço."


10 Lunares. Homenagem ao pioneiro da astronomia, Nicolau Copérnico, autor da teoria do heliocentrismo.


20 Lunares, homenagem a Júlio Verne, um dos primeiros homens a imaginar (e publicar) a aventura de uma viagem à Lua.


O cientista Johannes Kepler, pai das três leis fundamentais da mecânica celeste, é o homenageado na nota de 50 Lunares.


Por fim, como não poderia ser diferente, a nota de L$ 100,00 presta homenagem ao seu primeiro visitante, Neil Armstrong.


Fonte: SabiaPelado

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...