quarta-feira, 30 de abril de 2008

Segundo comercial de TV de 'Journey 3D'

Acabou de ser lançado o segundo comercial para TV de Journey 3D, filme baseado em "Viagem ao Centro da Terra" a estrear em 11 de Julho.



Relacionado com o filme, já foram lançados dois posters oficiais (1 e 2), 7 fotos e os respectivos vídeos:

terça-feira, 29 de abril de 2008

Novo DVD 'Viagem ao Centro da Terra'

A PRISVIDEO lançou este mês em Portugal o DVD animado "Viagem ao Centro da Terra" baseado na obra de Júlio Verne com o mesmo nome.

O filme tem aproximadamente 43 minutos e é falado em português.


Sinopse: "O clássico de aventuras de Júlio Verne revive nesta divertida história de desenhos animados, recheada de canções originais. Não percas as aventuras destes dois jovens intrépidos e suas mascotes, que te vão tocar no coração! Quando o professor Lindenbruck propões uma expedição para seguir os passos de um cientista desaparecido a caminho do centro da Terra, a sua filha Alexa, de 13 anos, insiste em acompanhá-lo, juntamente com a sua alegre e cantadeira cobaia, Hércules. Também os acompanharão o novo amigo de Alexa, Gower, e juntos vão penetrar num mundo subterrâneo, com tanto de belo e fascinante como de perigoso. Um mundo que nunca viu a luz do Sol e onde os esperam criaturas pré-históricas e uma cidade perdida. Mas o que prometia ser a maior aventura das suas vidas transforma-se numa tremenda perseguição, quando um cientista rival, o Dr. Greed, os tenta deter com a ajuda do seu assustador morcego."

domingo, 27 de abril de 2008

Crítica 'Os 500 Milhões da Begum (1879)'

Júlio Verne em sua melhor fase! Nesse livro o autor consegue, enfim, reunir o romance de aventura fantástica, com complexa fundamentação científica e mistérios que envolvem o autor. Agora, o autor não se prende por demasiado nem nas explicações físicas e químicas dos acontecimentos (como no Da Terra à Lua), e nem nas questões históricas e geográficas (como no Arquipélago em Chamas). Aqui, o que realmente importa é a AÇÃO, isto é, aquilo que os personagens fazem e constroem.

O enredo, resumidamente, inicia-se com a história de uma nobre milionária indiana (Begum) que morre e deixa 500 milhões (acho que de libras esterlinas ou de francos) para seus dois únicos herdeiros: o professor Sarracin, francês, e o professor Schultze, austro-alemão. Depois de cada um sacar suas fortunas, ambos resolvem aplicar o dinheiro em empreendimentos científicos, construindo cidades-estado na costa oeste dos Estados Unidos. Sarracin constrói a "Cidade da França", com planejamento urbanístico e sanitário que visa maximizar a qualidade de vida (e, em conseqüência, a produtividade do trabalho) de seus habitantes. Schultze, por sua vez, constrói a "Cidade do Aço", marcada pelo culto à obediência, na disciplina e na hierarquia, investindo pesadamente na indústria aramamentícia e exercendo controle totalitário sobre seus domínios. Naturalmente, as cidades vizinhas tornam-se logo rivais, e assim o livro conta a história de Marcelo Bruckmann, um jovem alsasciano (leste da França), que é mandado para trabalhar na Cidade do Aço servindo como espião da Cidade de França. Cabia a Marcelo se infiltrar nas organizações burocráticas dessa cidade para descobrir as armas secretas que o maligno Dr. Schultze estava desenvolvendo para destruir a cidade da França.

Mas lendo o livro com mais cuidado, o enredo descreve, em suma, o choque de modelos de desenvolvimento: o humanismo latino contra o militarismo germânico. Verne, infelizmente adotando estereótipos étnicos para fundamentar suas teorias políticas e institucionais (mesmo que isso fosse recorrente entre os autores do século XIX), discorre sobre as diferenças entre as formas de organização das duas cidades, com uma posição declarada pró-Cidade da França, apresentada como a "heroína", contra a "vilã" Cidade do Aço. Na verdade, Verne parece estar fazendo uma analogia à conjuntura política internacional de sua época. No final do século XIX, os dois principais impérios da Europa (a Alemanha do Segundo Reich e o Império Austro-Húngaro) se aliaram, junto com outros países, em um bloco chamado de Tríplice Aliança, e passaram a hostilizar os países vizinhos mais liberais (França e Inglaterra, que se aliaram à Rússia). Esse período, chamado de "Paz armada", em que os países se preparavam para uma guerra iminente, tendo como objetivo o controle político e militar da Europa, e, conseqüentemente de todas as colônias ná África e Ásia, mesmo faltando um estopim para o conflito, é a mesma situação em que as duas cidades-estado descritas no livro estavam envolvidas.

Para a sorte de Júlio Verne, e da humanidade como um todo, após duas Guerras Mundiais, ficou claro que o humanismo "latino" era superior social e institucionalmente ao militarismo "germânico". Contudo, após as guerras, os países germânicos absorveram muito melhor o modelo humanista-planejado de desenvolvimento, que se traduziram nas suas instituições sociais, políticas e econômicas de social-democracia, obtendo desse modo elevados padrões de qualidade de vida e IDH. Os países latinos, por sua vez, continuaram dominados por regimes autoritários (menos a França, a Costa Rica e outros poucos) até quase o último quarto do século XX.

Por último, é interessante ressaltar a importância que Júlio Verne dá à capacidade criativa individual de seus personagens como motor de todas as suas histórias. Ao contrário dos autores real-naturalistas, seus contemporâneos, que preferiam descrever seus personagens baseados nas suas relações com o meio social em que viviam (o "determinismo pelo meio" de Eça de Queirós e Aluísio de Azevedo), Verne descreve seus personagens principais como entes autônomos e totalmente dotados de livre-iniciativa. Assim, a toda a história do presente livro decorre dos investimentos pessoais de dois professores universitários europeus que subitamente descobriram-se milionários. Do mesmo modo, por exemplo, no livro "20.000 Léguas Submarinas", toda a história deve-se à ação de um príncipe hindu que, entediado de sua sociedade, resolve enclausurar-se em um submarino e navegar pelo mundo. Ou então o jovem oficial francês, que arrisca a sua vida para ajudar os gregos em sua guerra de independência contra os turcos, no livro "Arquipélago em Chamas". Certamente, a visão de homem de Júlio Verne, e sua diferença dos demais autores de sua época, é um tema muito interessante para estudos.

Crítica escrita por Ricardo Agostini, autor do blog Essa Metamorfose, e cedida gentilmente para o blog JVernePt.

Se pretender comentar esta crítica faça-o aqui. Caso pretenda comentar a obra use a secção correspondente. Qualquer pessoa pode escrever uma crítica para qualquer obra. Para isso leia o tópico 'Críticas das obras'.

segunda-feira, 21 de abril de 2008

J. Verne com novo recorde

J. Verne atingiu neste domingo no site JeSuisMort.com 856 728 pontos, algo nunca visto até hoje!

É de relembrar que o recorde estava sensivelmente a metade.

Vamos continuar a votar aqui e tentar posicionar o escritor no mais alto lugar possível!

domingo, 20 de abril de 2008

Revista 'Mundo Verne' #4

Mais uma vez, após algum tempo de espera, cá está o quarto número da revista "Mundo Verne", única em português dedicada ao mestre J. Verne.

Este número presta homenagem ao falecido Dr. Zvi Har'el, através de um artigo que revela o seu meritório trabalho por mais de 12 anos e a sua condição humana.

Cristian Tello analisa deste vez a obra Robur, o Conquistador. Também destaca um artigo que explora as principais características que compõem a série de livros escrita por Verne, por Pedro Paulet, e Carlos Patrício, colaborador no nosso blog, escreve sobre a relação Jules com o Brasil.
Mundo Verne 4

sábado, 19 de abril de 2008

Mais um trailer e poster de 'Journey 3D'

Aí está o terceiro trailer do filme 'Journey to the center of the Earth 3D' baseado na obra do escritor 'Viagem ao Centro da Terra'.



Neste trailer podemos ver novas referências à obra de Verne como o livro e o mapa do caminho que Lidenbrock, Axel e Hans seguíram até ao vulcão Stromboli. Apesar de não ser totalmente fiel à obra que lhe dá o nome, já é bastante bom um filme recente se basear e citar um grande escritor como é Júlio Verne.

E aqui está o novo poster do primeiro filme não-animado em 3 dimensões.

Tem a sua estreia para 11 de Julho nos EUA.

terça-feira, 8 de abril de 2008

'Ice Age 3' relacionado com J. Verne?

Muito se tem falado sobre a inclusão de dinossauros no terceiro filme "Ice Age" (Idade do Gelo-Pt/A Era do Gelo-Br), visto que os répteis gigantes já estavam extintos milhões de anos antes do primeiro filme da série onde aparecem humanos (é com relembrar que os dinossauros nunca conviveram com seres humanos).



Mas perguntam vocês, qual a relação deste filme com Verne?
Pois bem, ontem foi lançado trailer de "Ice Age 3" e já tenho a resposta para os críticos:



E vocês, também a têm?

quinta-feira, 3 de abril de 2008

'Jules Verne' chegou ao seu destino

O veículo espacial europeu Jules Verne acoplou-se esta quinta-feira com sucesso pela primeira vez à ISS (Estação Espacial Internacional), o que abre as portas para a independência europeia no desenvolvimento da base internacional.

O Veículo Automático de Transferência (ATV) acabou sua fase de acoplamento às 15h52 de Lisboa, ao final de uma pioneira manobra desenvolvida de forma automática e sem intervenção humana, nem dos astronautas que estão na ISS nem de especialistas na Terra.

O acoplamento aconteceu com um leve atraso, já que os engenheiros decidiram fazer a manobra um pouco depois, para realizar um teste suplementar.

"Foi um êxito total. O acoplamento foi muito mais fácil do que os teste que fizemos anteriormente", afirmou o director-geral da ESA (Agência Espacial Europeia), Jean-Jacques Dordain.

Graças ao ATV, a Europa contará com uma independência total para cumprir seus compromissos no desenvolvimento da ISS, o que lhe permitirá se desvincular um pouco dos Estados Unidos e da Rússia.

Lançado pelo foguete Ariane-5 da base de Kuru, na Guiana francesa, em 9 de Março, o Jules Verne é o primeiro dos ATV que a ESA deve construir.

Carregamento

Os três astronautas que estão na ISS entrarão no ATV a partir de amanhã e, após um processo técnico de conexão e de filtragem do ar, começarão a descarregar no sábado as mais de sete toneladas de alimentos, combustível, oxigénio, material para experiências e os itens relacionados com o autor que lhe dá o nome.

O Jules Verne também servirá como um espaço suplementar da estação e, quando acabar sua missão, em seis meses, voltará à Terra carregado com resíduos da ISS.

quarta-feira, 2 de abril de 2008

Journey 3D com novo trailer e comercial de TV

Journey to the Center of the Earth 3D, nova versão cinematográfica do clássico de ficção científica de Júlio Verne (1828-1905) Viagem ao Centro da Terra, acaba de ganhar mais um trailer internacional, e um comercial de TV. Confira os dois:





O actor Brendan Fraser vive nessa aventura o personagem Trevor que, junto de seu irmão Max, formava uma equipa campeã de geólogos, até que Max desapareceu sem deixar vestígios numa pesquisa na Islândia há dez anos. Trevor nunca mais foi o mesmo, assim como o seu sobrinho Sean (Josh Hutcherson), agora um problemático e rebelde garoto de 13 anos. Quando surge a oportunidade para visitar o topo da montanha na qual Max desapareceu, Trevor aceita, esperando saber mais sobre o destino de Max.

Como terá que tomar conta de Sean durante o verão, o nosso herói não tem escolha a não ser levá-lo junto. Ao lado da bela guia Hannah (Anita Briem), eles acabam presos numa caverna por conta de uma tempestade eléctrica e embarcam para a mais inacreditável aventura das suas vidas. Eles encontram seres como piranhas voadoras, pássaros brilhantes, cogumelos gigantescos, serpentes marinhas, plantas carnívoras e uma mortal criatura chamada gigantosaura.

"
Viagem ao Centro da Terra 3D" chega aos cinemas do Brasil no dia 05 de Setembro de 2008. Para Portugal ainda não há data prevista.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...