domingo, 30 de março de 2008

'Jules Verne' pronto para manobra de atracagem

O módulo de carga está pronto para manobra final na quinta-feira O cargueiro espacial europeu Jules Verne (ATV) efectuou ontem com êxito as antepenúltimas manobras de atracagem à Estação Espacial Internacional (ISS, na sua sigla inglesa), onde também participam russos, americanos e japoneses. A nave pairou a 3,5 quilómetros do ponto onde efectuará a ligação final, prevista para quinta-feira. Até lá, haverá novos ensaios de aproximação e recuo do gigante de cinco toneladas.

Os peritos da Agência Espacial Europeia (ESA) dizem que a missão está a correr dentro do previsto e vão ensaiar nos próximos dias a difícil fase final. O veículo é novo e têm de ser testadas manobras evasivas, caso haja problemas de alinhamento.

A precaução justifica-se. As agências espaciais envolvidas temem a repetição de um incidente semelhante ao que quase matou os cosmonautas russos da Mir, em 1997. Um erro efectuado durante a atracagem de um veículo Progress (a nave de carga russa) provocou uma colisão com a estação e uma despressurização que esteve à beira de causar a catástrofe.

O cargueiro europeu é um veículo automático e constitui o essencial do esforço europeu para completar a ISS. A nave de carga leva comida, água e combustível, tendo sido desenvolvida com algum atraso. Devido ao peso elevado, a nave é lançada por um foguetão Ariane 5. Os abastecimentos retirados pela tripulação da ISS são substituídos por lixo. O módulo é depois lançado para a atmosfera, onde arderá sobre o oceano Pacífico. A Jules Verne permitirá acelerar a construção da ISS, cuja conclusão tem sido sucessivamente adiada, agora prevista para depois de 2010. Houve vários atrasos e problemas de financiamento.

FONTE: DN

2 comentários:

Ana Paula disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Ana Paula disse...

Muito obrigada por estas interessantes notícias! :)

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...